Galo: elenco já está acostumado com intensidade de Sampaoli na beira do campo

A postura do técnico Jorge Sampaoli à beira do campo é parecida com a que ele exige dos jogadores do Atlético nos treinos e jogos. Muito intenso na sua forma de comandar a equipe, o treinador argentino pede para que suas equipes sempre agridam o adversário, com ou sem a bola. Na marcação, já foi possível perceber o Atlético ‘atacando’ o oponente, sempre buscando ter a posse de bola.  No jogo contra o América, o nervosismo do treinador, que grita a todo momento, fez com que sobrasse até pra um copo de água, que foi atirado longe com um chute do treinador. A vitória por 2 a 1 contra o América, no domingo, no primeiro jogo da semifinal, não foi suficiente para deixar o comandante satisfeito ao final do jogo. “Poderíamos ter tido uma diferença ainda maior de gols”, resumiu Sampaoli.  Enquanto a imprensa mineira ainda se acostuma com o jeito de Sampaoli, os jogadores garantem que não se assustam mais com a postura do treinador. “Talvez, esse jeito dele pode ser uma novidade pra vocês. Pra gente, não é. O estilo dele é de muita cobrança e temos procurado saber o que ele quer sempre. Ele cobra muito, está sempre exigindo bastante e entendo o seu lado, de querer sempre o melhor. Temos que entender e aprender com isso, mesmo ainda estando em um momento de evolução”, comenta o volante Jair, em entrevista à TV Galo.

Fonte: O Tempo