‘Dois ou três para fechar o elenco’, diz Sette Câmara sobre contratações do Galo

Seis jogadores foram contratados pelo Atlético já durante a pandemia do novo coronavírus, com mais um perto de assinar. Chegaram os zagueiros Júnior Alonso e Bueno, o volante Léo Sena, o meia Alan Franco e os atacantes Marrony e Keno. O lateral-direito Mariano já está em Belo Horizonte para oficializar o acerto. O mercado do clube, apesar dos reforços, ainda não fechou. Segundo o presidente Sérgio Sette Câmara, novas contratações ainda devem ser feitas para fechar de vez o elenco. “O Atlético vai no mercado, sim. Temos necessidade de dois, três jogadores para acabar de fechar o elenco. Mas quando alguém sai no mercado como o Atlético saiu, todo mundo vira e faz oferta. Acham que nasceu árvore de dinheiro e vamos sair comprando. Não é por aí”, colocou Sette Câmara em entrevista ao jornal O Globo. As seis contratações  na pandemia foram pedidos de Jorge Sampaoli, assim como Mariano, que já está em Belo Horizonte para os procedimentos necessários à assinatura do contrato. De todos, o atacante Marrony foi o maior investimento do clube, de cerca de R$ 20 milhões. De acordo com o presidente do Galo, agora serão observadas ‘oportunidades de mercado’. “Dentro do que foi combinado com o treinador, estamos cumprindo, mesmo durante a pandemia. Dificilmente vamos fazer outros grandes investimentos. Não tem mais espaço para isso. Vamos buscar oportunidades no mercado. Quem estiver livre para vir numa condição interessante, com interesse do treinador, vamos ao mercado, fazendo proposta de forma legítima”, comentou. O mercado do Atlético especula pelo menos mais um atacante e um goleiro. O Galo, oficialmente, não fala sobre nomes ventilados no clube. Recentemente, jogadores como Nahuel Bustos, Eduardo Sasha e Éverson tiveram seus nomes associados ao interesse do Atlético, mas nenhum avançou para contratação.

 

Fonte: O Tempo