Treinador do Tombense garante que título é um sonho possível

Líder isolado do Campeonato Mineiro, com 23 pontos, e com vaga garantida à semifinal da competição, o Tombense quer muito mais nesta edição do Estadual. O time, que já chegou ao mata-mata em outras duas oportunidades, tenta se classificar à grande final pela primeira vez e quem sabe até levantar o caneco inédito. Eugênio Souza, técnico da equipe que derrotou o Coimbra domingo (26) por 2 a 1 e recebe o Uberlândia na quarta-feira (29), é um dos mais otimistas, principalmente pela campanha que a equipe da Zona da Mata construiu ao longo da competição. Além da liderança, o Tombense tem um dos artilheiros da competição. Rubens divide o posto com Paulo Renê, do Patrocinense, ambos com cinco gols. Tombense chega pela 3ª vez em sua história às semifinais do Campeonato Mineiro. As vezes anteriores: 2013 (eliminado pelo Atlético) e 2015 (eliminado pela Caldense). Nunca foi campeão do interior. Nunca foi líder da 1ª fase. “No início do Mineiro nosso objetivo era não cair, depois a gente queria classificar entre os quatro, aí como isso foi se tornando um sonho mais real, hoje a gente acredita que o título é possível. Vamos continuar trabalhando cada vez mais para que isso venha a acontecer”, projetou o treinador do Tombense. Apesar da boa campanha, Eugênio Souza tem noção de que a missão não será fácil. “A gente sabe que conquistar o Mineiro é um sonho difícil de realizar. Mas com dedicação, com trabalho, com a união do grupo, que tem trabalhado muito a gente atinge uma performance melhor, que reflete no jogo. Isso reflete de forma geral na competição”, completou o treinador. Eugênio Souza não esconde e teme que a paralisação do Mineiro por causa da pandemia do novo coronavírus prejudique o time de alguma forma. “A pandemia deu uma freada no mundo, mas revolucionou algumas situações. A gente vinha num momento bom antes da paralisação, com ritmo de jogo, o time jogando com harmonia e sintonia. Com a pandemia foi ruim por esse lado, mas para outras equipes foi boa para acertar, contratar, mudar de treinador. Mas para nós, do Tombense, pelo momento que nós vivíamos, foi prejudicial”, avalia ele. O treinador terá problemas para o duelo final da primeira fase do Mineiro. O zagueiro Admilton e os volantes Rodrigo e Ibson receberam o terceiro cartão amarelo e estão fora. Eugênio Souza terá apenas o treino desta quarta-feira para escolher os substitutos. O time passou a segunda-feira (27) em viagem de Belo Horizonte para Tombos.

Fonte: O Tempo