Técnico da URT espera Cruzeiro agressivo, mas confia em elenco remodelado

Membro da comissão técnica que tinha Ademir Fonseca como treinador da URT, Johnatan Alemão acabou assumindo a vaga de comandante depois da saída do técnico para o Villa Nova. Logo pela frente, ele terá um desafio: o Cruzeiro em dia de estreia de Enderson Moreira. A partida acontece neste domingo, no Mineirão, às 11h. A equipe patense ocupa atualmente a oitava posição com 11 pontos, sem risco de descenso e também pretensões de chegar à fase final do Mineiro. Porém, mesmo assim, o clube quer mostrar qualidade na reta final do torneio, e quer marcar presença no Troféu Inconfidência, que será disputado entre as equipes que terminarem a fase de classificação da 5ª à 8ª posições.  Johnatan Alemão lamentou o tempo curto que teve de preparação para a retomada do Mineiro. Foram menos de duas semanas para preparar o time, que ganhou o acréscimo de jogadores às pressas para compor o plantel de 21 atletas que estará à disposição neste domingo, contra a Raposa. Em comparação, o Cruzeiro teve praticamente nove semanas de treinamentos.  “O tempo nosso foi muito curto para montarmos toda essa sequência e para trabalharmos. Mas nós procuramos montar uma equipe, dos atletas que já estavam, que a gente conhecia as características, e também trouxemos jogadores que têm vontade, que querem chegar a um lugar melhor. Trouxemos esses atletas por conhecermos características e também atletas que almejam algo. Temos trabalhado bastante isso. E eu, como treinador, não muda nada. Eu já estava na comissão de Ademir (Fonseca) no Campeonato, para mim acaba sendo uma responsabilidade, um desafio muito grande terminar essa competição como treinador”, avaliou Alemão, em entrevista ao Super.FC.  A URT teve os retornos do goleiro Cris e Juninho, do zagueiro Josué, do volante Wembley, Yan Gomes, Túlio e Valkenedy, do meia Gabriel e dos atacante Kesley e Renan Amorim.  Pelo fato de ser a estreia de Enderson Moreira no comando do Cruzeiro, Alemão acredita que a Raposa será agressiva em campo, e os jogadores vão querer mostrar para o novo comandante que possuem qualidade para buscarem a titularidade. Há também o agravante do Cruzeiro estar na quinta posição da tabela, com 14 pontos, posto que hoje deixa o atual bicampeão mineiro fora da fase final.  Mas apesar de todos esses ingredientes, Johnatan Alemão aposta que seus atletas, pelo fato de também ser a sua estreia, vão querer mostrar serviço. Ele exaltou a qualidade do grupo que possui.  “Eu acredito que o Cruzeiro de amanhã (hoje, domingo) seja um Cruzeiro diferente do que vimos. Agora com um novo treinador, o Enderson tem muita qualidade, por onde passou sempre tem conquistado acesso, títulos, é um técnico que tem bastante bagagem, rodagem, experiência. Acreditamos que vamos enfrentar um Cruzeiro dentro de campo mais maduro, uma equipe mais equilibrada, temos passado isso para os nossos atletas”, analisou o comandante da URT. “Creio que será um Cruzeiro também diferenciado por ser uma estreia, uma equipe motivada dentro de campo e os atletas que vão estar lá querem mostrar para o treinador que são capazes. Creio que dos dois lados será uma experiência muito boa, tanto minha quanto do Enderson por serem estreias. Vai ser um Cruzeiro forte, agressivo dentro de campo, mas meus jogadores também querem mostrar a qualidade que possuem”, acrescentou Alemão.  Equipe ainda tem o líder pela frente Depois do Cruzeiro, a URT fecha a sua participação na primeira fase do Mineiro encarando justamente o líder América, em Patos de Minas. Mais um jogo complicado para o modificado time patense, que busca finalizar sua presença no período classificatório de forma honrosa e com a vaga no Troféu Inconfidência.    “Avaliar o tempo é complicado porque não existe mais o ideal. O ideal seria termos um tempo hábil para planejar, trabalhar, mas a gente crê, para que o campeonato possa voltar, era necessário um esforço grande de todas as equipes. O tempo foi curto, a preparação foi curta, mas o que pode nos ajudar é o que temos comentado: é conhecer o elenco que temos. É claro que os grandes jogos que temos pela frente serão complicados, são equipes muito fortes, mas a gente acredita que temos um elenco de qualidade e que podemos chegar em campo para buscar resultados positivos”, finalizou Alemão.

 

Fonte: O Tempo