Rubens Menin quer ajudar Galo a virar potência mundial em cinco anos

A visão do empresário Rubens Menin, presidente da MRV, ao ser um dos grandes responsáveis pelas últimas contratações do Atlético, vai além de fazer o time ser forte em 2020. Ele pensa adiante e quer que o time se torne uma potência mundial no prazo máximo de cinco anos. Nesta quinta-feira, ele participou de live com o jornalista Jorge Nicola. A conversa bateu o recorde de usuários presentes dentro do canal no Youtube.  Para isso, seguir à risca um planejamento traçado com ajuda de duas empresas de consultoria será fundamental. “O Atlético tem potencial para ser conhecido no mundo todo, como o Real Madrid é na China de chegar lá e vender centenas de camisas. Um dos meus sonhos é resgatar o futebol brasileiro como ele já foi, com alguns dos melhores times do planeta. Isso aconteceu há um tempo não muito distante. Não tem nada de Real Madrid, Barcelona, a força do planeta tem tudo pra ser clubes do porte de Atlético e Flamengo”, comentou o empresário, que indica o caminho a ser seguido. “Precisa ser organizado e superavitário. Quando a coisa encaixar e tudo ficar de pé, isso vira um trem e arrebenta, o time melhora, a torcida vai ao campo, vira uma máquina que começa a andar sozinha. Meu papel é ajudar agora, neste momento, para a coisa andar. Se não for bem estruturado, essa máquina quebra. O sucesso não pode subir à cabeça. Foi bem em dois ou três anos, não faz bobagem, segue o planejamento”, indica. “Não se pode jogar dinheiro fora, o futebol brasileiro é atrasado porque está fazendo agora algo que clubes da Europa fizeram há muito tempo. Por isso eles estão em outro patamar. A gestão é fundamental e não podemos esquecer nunca do futebol, o carro-chefe desta engrenagem”, completou.

 

Fonte: O Tempo