Lisca aponta erros, mira equilíbrio do América e elogia Sampaoli: ‘é auspicioso’

O técnico do América lamentou a primeira derrota na temporada, justamente no primeiro duelo das semifinais do Campeonato Mineiro para o Atlético. O triunfo do Galo por 2 a 1 sobre o Coelho fez Lisca detectar uma regularidade do time durante os jogos. Na visão do treinador americano, o Coelho costuma melhorar no segundo tempo dos jogos e começa as partidas com menos ímpeto e qualidade.   “Na segunda parte a gente tem crescido. Temos que melhorar no primeiro tempo para equilibrar. A gente tem tido dificuldades de começar bem. Acho que esse é o nosso principal desafio”, disse. Para ele, o desfalque do atacante Rodolfo, nos últimos três jogos, vem sendo sentido pelo time e que os gols sofridos mexeram com a equipe no Mineirão. “Nós estamos com uma dificuldade no setor ofensivo, porque perdemos um atacante muito importante para nós que é o Rodolfo. Estávamos até razoavelmente bem na partida até o gol. Numa bola parada. Que sempre dá uma vantagem ao adversário. Abalou um pouco o nosso time. Aí eles entraram no nosso campo, pegaram confiança. A gente ficou com muita dificuldade de contra-atacar. O segundo gol também foi problema nosso. Zona de construção, perdemos a bola, E a qualidade que eles tem dificulta muito. Nós sentimos muito”, analisou.   Sampaoli Lisca fez questão de elogiar o técnico do Atlético, Jorge Sampaoli. “Temos que parabenizar o Atlético. Essas variações táticas que ele faz, faz a gente quebrar a cabeça e estudar muito.  É um treinador muito auspicioso, porque ele muda muito o sistema o jogo. É a terceira vez que a gente encontra o Atlético e é a terceira maneira diferente que ele começa o jogo”.

 

Fonte: O Tempo