Guarani decide não brigar com o Corinthians, na Justiça, pela vaga às quartas de final do Paulistinha

Após reunião com caciques do Conselho de Administração, a diretoria do Guarani decidiu não ingressar na Justiça contra a utilização irregular do jogador Matheus Davó, pelo Corinthians.
O temor, talvez, seja porque muitos deles estão implicados no negócio.
Por decisão da 9ª Vara Civil de Campinas, os direitos econômicos do jogador estão penhorados e os federativos retornaram ao Bugre.
Em tese, ao utilizar Davó em duas oportunidades após o dia 08 de julho, data da sentença, o Corinthians poderia perder os pontos das partidas, ainda que a CBF, também de maneira equivocada, mantenha a inscrição do atacante vinculada ao clube de Parque São Jorge.
No mínimo daria discussão, da qual o Guarani preferiu não se envolver.
Antes do Bugre, o Oeste, que mantém relações comerciais com o Timão, também decidiu não afrontar Andres Sanches.
NOTA OFICIAL DO GUARANI:
O Guarani Futebol Clube se manifesta, pela presente, em decorrência de especulações trazidas nesta data sobre uma suposta intenção sua de obter juridicamente vantagem sobre a decisão judicial proferida pela 9ª Vara Civil da Comarca de Campinas, parte integrante do processo envolvendo o Guarani e a empresa RDRN.
O Guarani Futebol Clube, através do seu Conselho de Administração, pela presente, reconhece que o Sport Clube Corinthians Paulista não foi intimado da decisão proferia nos autos do referido processo até o momento, portanto trata-se de processo judicial ainda em andamento, dentro de prazo legal para manifestação de partes.
O Guarani Futebol Clube esclarece, através do seu Conselho de Administração, a todos os seus Torcedores e Associados que não participará de nenhuma aventura jurídica.
O Guarani Futebol Clube, através do seu Conselho de Administração, considera que o resultado que o eliminou das quartas de final do Campeonato Paulista aconteceu dentro de campo e, diante disto, não deverá ser discutido em outra esfera que não a desportiva.

 

Fonte: Blog do Paulinho