Galo tenta avançar no Mineiro para evitar fato que ocorreu 8 vezes na história

O Atlético terá uma partida decisiva com o Patrocinense nesta quarta (29), pela última rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro. O clube, quarto colocado, precisa de uma vitória para se classificar às semifinais e evitar uma queda precoce na competição. Desde a primeira participação do Atlético no Mineiro, em 1915, o clube só ficou de fora da lista dos quatro melhores em oito ocasiões. A primeira vez foi em 1922, campeonato vencido pelo América. O vice-campeão foi o Palestra Itália, antigo nome do Cruzeiro, seguido por Yale e Luzitano. O Atlético voltou a não figurar entre os quatro melhores do Mineiro em 1924, 1925, 1930, 1959, 1960, 196 e 1997. Na competição de 1925, apenas o América foi declarado campeão, sem vice e demais colocações. Ao longo das edições, o Campeonato Mineiro teve formatos distintos, tanto quanto números diferentes de participantes. A relação levantada pela reportagem levou em consideração, portanto, os quatro melhores times no final da competição, desde os mais bem colocados em pontos corridos aos semifinalistas, quando assim o formato entendia. A última vez que o Galo ficou de fora da lista dos quatro melhores do Mineiro foi em 1997, quando o time caiu nas quartas de final para o Villa Nova, posteriormente vice-campeão. O time de Nova Lima bateu o Galo por 3 a 1 e perdeu por 1 a 0, avançando com 3 a 2 no agregado.  Um detalhe é que o Atlético tinha sido o melhor time da primeira fase, com nove pontos à frente da Caldense, segunda colocada. Já o Villa tinha avançado em oitavo, última posição da zona de classificação, e por isso entrou no caminho do Galo. Desde então, o Atlético figurou entre os quatro times de melhor campanha do Estadual, com oito títulos, 12 vices, um terceiro e um quarto lugar.  Maior vencedor do Mineiro, o Atlético soma 44 conquistas. A última foi em 2017, quando o clube bateu o rival Cruzeiro na decisão. Em 2018 e 2019, ficou com o vice-campeonato, perdendo justamente para a Raposa. Se vencer o Patrocinense nesta quarta, independentemente do placar, o Atlético garante classificação para as semifinais. Se empatar ou perder, o time de Sampaoli vai precisar que o Cruzeiro perca ou empate com a Caldense. Todos os jogos são às 21h30. O Atlético é o quarto colocado, seguido da Raposa. Se o time de Enderson Moreira vencer, obriga uma vitória do Galo. Veja as edições do Mineiro em que o Atlético não ficou entre os quatro melhores do Estadual (times na sequência do campeão ao 4ª melhor): 1922 – América, Palestra Italia, Yale e Luzitano 1924 –  América, Palestra Italia, Yale e Sete de Setembro 1925 – América 1930 – Palestra Italia, América, Villa Nova e Sete de Setembro 1959 – Cruzeiro, América, Villa e Democrata-SL 1960 – Cruzeiro, Siderúrgica, América e Villa  1964 – Siderúrgica, América, Cruzeiro e Uberaba 1997 – Cruzeiro, Villa Nova, América e Social

 

Fonte: O Tempo