Galo e América retornam ao Mineiro com duelo entre manutenção e mudanças

Mais de quatro meses separaram os jogos de América e Atlético pela nona rodada do Campeonato Mineiro, em março, do encontro deste domingo (26). Os times vão retomar a disputa do Estadual com um duelo às 16h, na Arena Independência, após uma parada pela pandemia que teve efeitos distintos sobre as equipes. Enquanto o América manteve o elenco e espera continuar com a boa fase que deixou o time na liderança do Mineiro, o Atlético mexeu muito no seu grupo e pretende ser outra equipe pós-parada. À beira de campo, os trabalhos de Lisca e Jorge Sampaoli, ambos iniciados em 2020, serão confrontados. Líder do Estadual e único invicto da competição, o Coelho tem 21 pontos e já garantiu classificação para a semifinal. O Galo, por sua vez, está a uma vitória de avançar para a próxima fase do Mineiro. O time está com 18 pontos, na terceira colocação. Se vencer, pode até assumir a liderança. Lisca e Jorge Sampaoli assumiram América e Atlético, respectivamente, com a temporada de 2020 em andamento. Enquanto o treinador do Coelho pegou um bom trabalho deixado por Felipe Conceição, que optou por sair, o argentino foi uma saída para o Galo em meio a um começo de ano trágico. O clube vinha de eliminações na Copa do Brasil e na Sul-Americana, ambas em fevereiro com Rafael Dudamel. Durante a parada As mudanças no elenco do América durante da pandemia ficaram a cargo especialmente de chegadas. O clube contratou o zagueiro Anderson, ex-Bahia, e conta com os retornos dos meias Marcelo Toscano e Felipe Azevedo, além do atacante Sabino. Todos estavam emprestados a outros times. Já o atacante Kawê e o meia Gustavinho foram promovidos da base ao profissional. O Atlético retomou os treinos da Cidade do Galo em 19 de maio, seis dias antes do América. O tempo de preparação das equipes é parecido, mas o Galo vem de uma série de mudanças no elenco. Durante a pandemia, o clube decidiu não continuar com sete jogadores. O Galo rescindiu com Clayton e Franco Di Santo, ainda define as situações de Zé Welison e Ricardo Oliveira, emprestou Edinho ao futebol da Coreia do Sul e mandou Lucas Hernandez e Ramon Martinez ao time de transição. Já as chegadas do Atlético foram de Bueno, Júnior Alonso, Léo Sena, Alan Franco, Marrony e Keno. Baixas dos dois lados Mesmo com quatro meses sem jogos de futebol, América e Atlético vão se enfrentar com desfalques. No lado americano, as baixas são de Felipe Azevedo (fratura na fíbula), Renan Gomes (cirurgia no joelho) e Neto Berola (cirurgia no joelho). Já no Atlético, o treinador Jorge Sampaoli não vai poder contar com o atacante Diego Tardelli (fratura-luxação no tornozelo direito), Gustavo Blanco (rompimento do tendão do músculo reto femoral) e Gabriel (lesão no púbis). O time também não terá Guilherme Arana, que vai cumprir suspensão. Ficha técnica Jogo: América x Atlético Motivo: 10ª rodada do Campeonato Mineiro Local: Arena Independência Horário: 16h Arbitragem: Ronei Cândido Alves, auxiliado por Marcus Vinicius Gomes e Felipe Alan Costa Transmissão: Rádio Super 91,7 FM e TV Globo Minas Provável América: Airton, Leandro Silva, Lucas Kal, Eduardo Bauermann e Sávio; Zé Ricardo, Juninho, Alê e Felipe Augusto; Ademir e Rodolfo Técnico: Lisca Provável Atlético: Rafael; Guga, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Allan, Hyoran, Nathan e Otero; Marquinhos e Marrony Técnico: Jorge Sampaoli

Fonte: O Tempo