‘Eu me dedico e sou disciplinado’, justifica Nathan sobre permanência no Galo

O Atlético definiu a permanência em definitivo do meia Nathan durante a pandemia. Ele tinha vínculo de empréstimo com o clube até junho deste ano, mas o Galo optou por acertar a compra em defnitivo de seus direitos, muito disso por um pedido do técnico Jorge Sampaoli. Aprovado pelo argentino, Nathan marcou o primeiro gol do Galo no retorno ao futebol, nesse domingo (26). O meia abriu o placar no empate em 1 a 1 com o Coelho e apontou motivos que podem ter ‘cativado’ Sampaoli. A permanência do jogador passou por aprovação do treinador. “Ele vê no dia a dia o quanto eu me dedico e sou disciplinado para sempre dar o meu melhor e tentar sempre representar bem a camisa. Fico feliz com a confiança dele e sei que sempre que ele precisar contar comigo, vou estar 100% para dar o meu melhor”, comentou Nathan em entrevista à TV Galo.  Nathan se mostrou bem versátil no jogo contra o América, chegando a se colocar como um ‘falso 9’, inclusive. As movimentações do meia e as possibilidades que ele pode dar ao treinador também são questões que podem ter pesado para o desejo do clube em mantê-lo. “Até no começo, quando o Sampaoli chegou, ele conversou comigo e eu falei para ele que estava disposto a fazer qualquer função que ele colocasse. Minha vida é feita de oportunidades, então vou sempre dar o meu melhor com essa camisa. Vinha treinando às vezes de falso 9, então são coisas que venho aprendido no dia a dia com ele”, completou o meia.

 

Fonte: O Tempo