Educador físico, Igor Rabello vira ‘professor’ para jovens do Galo

A formação em Educação Física vai além de dar ao zagueiro do Galo, Igor Rabello, uma opção de carreira quando ele se aposentar dos gramados. O conhecimento que ele teve no período de graduação o possibilita ter uma melhor ‘leitura’ de situações que acontecem com ele e também com os companheiros.  Em alguns momentos do cotidiano esportivo, Igor passa parte deste aprendizado para os jogadores que estão começando a carreira. “Isso me ajuda para eu saber melhor o que estou fazendo a cada treino e atividade. Quando posso, tento ajudar os mais novos, conversando e explicando para eles.Ter me formado foi um grande aprendizado que é útil no dia a dia e também será no futuro”, contou em entrevista à TV Galo.  Igor se formou quando ainda morava no Rio de Janeiro e defendia o Botafogo. A opção foi fácil de ser escolhida depois da irmã e da mãe também atuarem na área. “Na época de escola, eu pratiquei vários esportes, como basquete, handebol e vôlei. Sempre fui apaixonado por futebol e saí da escola já sabendo o que queria fazer”, lembra.  Com a ideia de se manter no mundo do futebol quando se aposentar, Igor já busca especializações em outras áreas como gestão de pessoas. “Ainda falta muito tempo para encerrar minha carreira, mas é importante ter esse conhecimento constante, que será útil quando eu terminar minha carreira”, salienta.  Para se formar, Igor contou com ajuda de amigos, familiares, professores e diretores da faculdade. “Todos sabiam da minha situação e contribuíram como foi possível, entregando trabalhos ou permitindo que eu fizesse provas fora da data marcada. As aulas eram à noite, em algumas situações eu chegava atrasado, mas sempre fiz questão de tentar ir o máximo que era possível. Saía do treino e ia, me dediquei porque sabia bem o que queria”, revela.

Fonte: O Tempo