Decisões, reforços e desfalques: os desafios do Cruzeiro antes da Série B

O Cruzeiro tem como principal desafio na temporada o acesso para a Série A do Campeonato Brasileiro. Mas antes disso, o clube voltará as suas atenções para dois compromissos difíceis que terá pela frente: a classificação às semifinais do Mineiro e a passagem de fase na Copa do Brasil. Em quinto lugar no Estadual, com três pontos atrás da Caldense, o Cruzeiro buscará ficar entre os quatro primeiros tendo duas decisões pela frente. O duelo contra o URT, que marca a volta do Mineiro, no próximo dia 26, e o confronto contra a Caldense, dia 29, fora de casa. Para o confronto contra a URT, na retomada do futebol mineiro, o técnico Enderson Moreira terá dois desfalques certos: o volante Jadsom e o meia Maurício, que receberam o terceiro cartão amarelo na derrota para o Coimbra, no último jogo. Além deles, o lateral-direito Cáceres também não entrará em campo, já que, inicialmente, a janela de transferências internacionais, abrirá em agosto, e como o jogador veio do Cerro Porteño, do Paraguai, terá que esperar para ser liberado. Em contrapartida, Enderson Moreira ganhou quatro reforços nacionais durante a pandemia: o meia Régis e os atacantes Angulo, Guilherme e Claudinho, além do retorno do volante Henrique, que estava emprestado ao Fluminense. Copa do Brasil Outra decisão que o clube terá pela frente é o duelo de volta da Copa do Brasil, contra o CRB, em Alagoas. No confronto de ida, no Mineirão, a Raposa foi derrotada por 2 a 0. Da equipe que perdeu o primeiro jogo para o CRB, três atletas já não estão mais no clube: Robinho, Rafael Santos e Everton Felipe.

 

Fonte: O Tempo