Cruzeiro: ‘Dupla função’ coloca Brey como opção de Enderson em retomada

Para a retomada do futebol, no dia 26 de julho, contra a URT, no Mineirão, o Cruzeiro terá que lidar com dois desfalques. A estreia de Enderson será marcada pelas ausências dos garotos Maurício e Jadsom, ambos suspensos por causa do terceiro cartão amarelo. O técnico celeste avalia as possibilidades, dentre elas até mesmo a utilização de um jogador polivalente, o lateral-esquerdo Patrick Brey, que retornou ao time durante a pandemia.  Enderson destacou a possibilidade que o jogador possui para executar também a função de ponta-esquerda, e até o colocou como uma possibilidade de jogo na ausência de Maurício.  “O Brey tem essas duas possibilidades. A princípio hoje ele está como lateral-esquerdo, mas ele pode fazer essa função de segunda linha, a gente chama de extremo, jogador que atua como se fosse antigamente de ponta esquerda, ele tem essa capacidade de poder fazer isso. A gente tem até dois problemas para a estreia, que são o Jadsom e o Maurício, então a gente sempre pensa em algumas possibilidades assim. O Brey pode fazer essas duas funções de forma efetiva e com qualidade”, analisou o técnico do Cruzeiro.  Para a lateral-esqierda, Enderson conta, além de Brey, com João Lucas e Marcelo Hermes. Giovanni, de 31 anos, que negocia com o Cruzeiro, pode ser incorporado ao time na próxima semana. Já para a vaga de Maurício, o comandante pode se valer de outras opções, como a escalação de Marco Antônio ou então optar por um jogador mais veloz pela ponta, como Welinton ou até mesmo Judivan. Há ainda a chance de contar com a nova contratação Claudinho, de apenas 19 anos, e uma das revelações do Paulista, mas isso dependerá da inscrição no Mineiro.

 

Fonte: O Tempo