Augusto Mello defende Sub 23 e negócios de Paulo Garcia com irmão Fernando Garcia no Corinthians

Augusto Melo é apresentado ao Barbarense
Em ‘live’ com o jornalista Alexandre Preatzel, Augusto Mello, candidato a presidente do Corinthians, deixou claro que não encerrará as atividades da equipe Sub-23, notório entreposto de intermediários de jogadores.
Disse também não enxergar problemas em Paulo Garcia, se eleito, realizar negócios com o irmão Fernando Garcia, apesar do que se sabe sobre ele nos bastidores do futebol.
Augusto defendeu também que conselheiros possam ser fornecedores de produtos e serviços ao Timão, pratica vedada pelo Estatuto para evitar, justamente, o compadrio que, por anos, prejudicou o Corinthians.
Há quem diga que a candidatura de Augusto Mello seria bancada por agentes de jogadores.
Ele nega, veementemente, a acusação.
Recentemente, Mello trabalhou no Barbarense, indicado, justamente, por empresa de intermediação de atletas.

 

Fonte: Blog do Paulinho